Governo de SC economia de R$ 1,5 milhão


O Governo de Santa Catarina tem como meta, desde a posse de Carlos Moisés da Silva, a redução de custos com as atividades do Estado. Alinhada com esse objetivo, a Secretaria Executiva de Articulação Nacional, SAN, prevê economizar cerca de R$ 1,5 milhão em suas atividades até final de 2022.

 

Sob a gestão do secretário Diego Goulart, a SAN realizou mudanças nos primeiros oito meses deste ano que como resultado trará uma economia de R$ 1.365.600,00 aos cofres públicos catarinenses. “Estamos realizando um cronograma financeiro que incluiu outras reduções ainda difíceis de estipular como o uso de combustíveis e a substituição do papel pelo digital. Embora a secretaria seja pequena, estamos trabalhando para até o final da gestão atingir R$ 1,5 milhão de economia nos custos de nossas atividades”, destaca Diego.

 

Os trabalhos envolveram a reorganização da equipe que possibilitou uma redução de 7,70% na folha de pagamento e resultará em R$ 640 mil de economia. Outra mudança foi o local de trabalho da secretaria em Brasília, antes uma casa e agora uma sala comercial próxima dos ministérios e órgãos públicos, redução de 41,43% de custos com aluguel de imóveis e cerca de R$ 590 mil poupados. E o pacote de economia incluiu também a redução de 100% dos gastos com vigilância patrimonial, sendo R$ 135,6 mil até 2022.

 

“Qualquer centavo economizado faz diferença aos cofres públicos de Santa Catarina. Nosso compromisso é reduzir custos e possibilitar que os recursos atendam outras demandas dos catarinenses como nas áreas da saúde, educação e segurança”, completa o secretário da SAN, Diego Goulart.

 

                                                                      

Trabalho da SAN

 

A Secretaria Executiva de Articulação Nacional é a representação de Santa Catarina em Brasília e atende as demandas dos municípios, do estado e dos catarinenses. O secretário Diego reforça que a SAN realiza um trabalho fundamental para o governo. “Somos um meio de campo para as questões burocráticas do Estado e auxiliamos no recebimento, encaminhamento e adequação de projetos para obtenção de recursos e de outros serviços aqui em Brasília”, finaliza.



Imagem: Governador Carlos Moisés da Silva em visita a nova sede da SAN em Brasília. 04/09/2019

Comunidade Geral